Uma pesquisa realizada pelo DataFolha com 1.500 pessoas a partir de 16 anos de todo país mostrou que 96% dos brasileiros têm o desejo de ser mais solidário por meio de doação. Buscam realizar ações para fazer o bem e promover um futuro melhor, mas não sabem como colocar essa solidariedade em prática.

Deve ser por isso que o Brasil aparece em 51º lugar em um ranking de empatia feito pela Universidade Estadual de Michigan (EUA) em que foram avaliadas 63 nações.

Para ajudar a promover uma cultura de doação, várias instituições sociais se uniram e criaram o Dia de Doar, comemorado no dia 1 de dezembro.

A iniciativa começou nos Estados Unidos em 2012 com o nome de #GivingTuesday, que significa “terça-feira da doação”.

Acontece logo após de datas comerciais já famosas, como as BlackFriday e CyberMonday e é sempre realizado na primeira terça-feira depois do Dia de Ação de Graças (o Thanksgiving Day).

A iniciativa, global, tem o objetivo de engajar pessoas com causas. Ao envolver indivíduos com a solução de problemas sociais, a doação passa a ser um importante instrumento para o fortalecimento da democracia.

O GRAACC faz parte deste movimento e trabalha, junto com outras organizações, para promover a cultura de doação no Brasil.


Compartilhe:

Retorno às aulas com segurança

Infectologista do Hospital do GRAACC orienta como se preparar para este momento

Sábado é dia de McDia Feliz

Participe adquirindo tíquetes antecipados e produtos

Great Place to Work

Estamos no ranking das melhores empresas para se trabalhar